Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

Vencer a Qualquer Preço

de Stephen Frears

mediano

O escândalo em torno do desportista do ciclismo Lance Armstrong é bem conhecido em todo o mundo. Depois de muito se ter falado sobre o tema, depois das muitas entrevistas, depois do documentário, chega agora o biopic realizado por Stephen Frears, baseado na investigação do jornalista irlandês David Walsh, que durante 13 anos lutou por tornar publica a verdade sobre o (sete vezes) vencedor imbatível da Tour de France.

 

Em Vencer a Qualquer Preço vemos a glória e a queda de Lance Armstrong (Ben Foster) um dos maiores desportistas de todos os tempos, a quem mais tarde viriam a ser retirado todos os títulos devido à sua participação num dos maiores escândalos de doping da história. David Walsh (Chris O’Dowd), jornalista desportivo do Sunday Times suspeitou e seguiu todos os passos de Armstrong, mais tarde vindo a confirmar as suas suspeitas. Com uma história tão conhecida como esta, seria esperado algo muito mais conciso e mais aprofundado que mostrasse um pouco mais que aquilo que já sabemos, de forma mais fascinante e envolvente. Tudo o que não acontece aqui.

Aqui seguimos a carreira de Lance Armstrong praticamente desde o começo, mas com falhas temporais importantes que se destacam e acabam por prejudicar a experiência final, em particular daqueles que conhecem a história mais a fundo. Apesar da extraordinária performance de Ben Foster, que se aproxima imenso fisicamente, em maneirismos e na forma de falar de Armstrong, este drama biográfico parece não saber bem em que se quer focar, o que faz com que a interpretação de Foster se destaque sendo o ponto mais forte deste filme. Pena que tenha passado tão despercebido na award season, pois bem que merecia destaque, visto que se entregou de corpo e alma, tendo inclusive recorrido à dopagem para uma melhor preparação do papel. Apesar de Stephen Fears se ter empenhado nas cenas que se dedicam as provas de ciclismo, com imagens reais que perfeitamente se misturam com as ficcionais, basicamente tudo o resto cai por terra. Acima de tudo o pior do filme é ser baseado no livro do jornalista que se dedicou em trazer ao de cima a verdade sobre a performance desportiva de Armstrong, e simplesmente não se preocupar em mostrar a perspectiva do mesmo.

Vencer a Qualquer Preço deixa muito a desejar, mas Ben Foster faz com que a vontade de ficarmos focados no ecrã continue apesar de todos os percalços no caminho.

Resumo da crítica

Summary

Classificação

  • Argumento
  • Interpretação
  • Produção
  • Realização
2.5 10 mediano

Comentários

Share, , Google Plus, Pinterest,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *