Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

O MOTEL/X está de volta

O festival de cinema alfacinha MOTEL/X está de volta para a sua edição número onze nos próximos dias 5 a 10 de Setembro e contará com a presença de dois nomes de peso na secção Culto dos Mestres Vivos: o rei dos filmes de série B e mentor de autores como Francis Ford Coppola, Martin Scorcese, Peter Bogdanovich, Ron Howard, Joe Dante, Jonathan Demme ou James Cameron — Roger Corman;  e o mestre do surrealismo chileno Alejandro Jodorowsky, um cineasta apaixonado que pudemos conhecer melhor em 2013 no documentário que traça a história da sua adaptação abortada de Dune, de Frank Herbert, Jodorowsky’s Dune.

Foram também adiantados alguns títulos para a secção Serviço de Quarto, com uma forte presença da comédia. Na secção principal do festival vai-se poder ver o mais recente filme do espanhol Álex de la Iglesia, The Bar (2017), o sangrento Game of Death (2017), uma produção canadiana de Sébastien Landry e Laurence Baz Morais, o insano Meatball Machine Koduku (2017), do nipónico Yoshihiro Nishimura, ou o polémico Kuso (2017), um filme norte-americano realizado por Steven Ellison — o músico, DJ e rapper Flying Lotus — e que foi classificado pela Variety como o «filme mais nojento de sempre» a ser exibido no festival de Sundance.

O festival de terror de Lisboa, que continua a explorar na sua imagem as heranças culturais nacionais — desta vez com os Diabos de Vinhais — vai fazer parte da programação da Capital Ibero-americana de Cultura para a qual a cidade foi eleita no corrente ano. Além dos filmes na sua programação principal, vai contar com a exibição de clássicos do cinema de terror latino na Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema durante o warm-up que precede o festival. Serão também exibidas na secção Quarto Perdido duas co-produções ibéricas da década de setenta esquecidas pela história: Crime de Amor (1971), de Rafael Moreno Alba, e O Espírita (1976), de Augusto Fernando.

Além da secção Lobo Mau, com exibições de filmes, eventos e workshops para os mais miúdos, a organização volta a apostar na promoção e incentivo aos autores de curtas-metragens com a competição para o Prémio MOTELX – Melhor Curta de Terror Europeia 2017. Além do prémio monetário de 5000 euros, o vencedor verá o seu filme nomeado para a competição internacional Méliès d’Or, galardão atribuído anualmente pela Federação Europeia de Festivais de Cinema Fantástico.

Para complementar a experiência MOTEL/X, vão-se realizar uma série de eventos, masterclasses, conferências e workshops, de onde se destacam: a maratona de escrita fora de horas It’s Alive, organizada em conjunto com a Imaginauta, e onde se convidam os participantes a escreverem um conto de terror em apenas uma noite; as workshops da Oldskull FX Técnicas de Replicação de Objectos e Caracterização – Escultura – Ferramentas e Técnicas, onde se darão a conhecer algumas técnicas por trás da arte da produção dos efeitos especiais; o popular MOTELquiz, a quiz night que recompensa o conhecimento de cultura geral, terror e cultura pop dos seus participantes; e VHS Nights, as sessões que pretendem mostrar os filmes esquecidos do video-clube, com foco no terror e na ficção-científica dos anos oitenta, a década gloriosa do VHS.

Para abrir o apetite, tivemos a oportunidade de ver em rigoroso exclusivo a aguardada prequela do spin-off de The Conjuring – A Evocação (2013), Annabelle 2: A Criação do Mal, mas vão ter de esperar pela estreia no início de Agosto para saber a nossa opinião.

Comentários

Share, , Google Plus, Pinterest,

Written by António Araújo

António Araújo

Cinéfilo, mascara-se de escritor nas horas vagas, para se revelar em noites de lua cheia como apaixonado podcaster.

256 posts