Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

Horizonte Profundo – Desastre no Golfo

de Peter Berg

bom

Mais um pedaço de história americana, aqui contado neste filme de Peter Berg (HancockBattleshipLone Survivor) que nos leva até um dos maiores acidentes ambientais da história americana, onde da explosão de uma petrolífera resultaram muitos feridos, 11 homens perderam a vida e muitos outros ficaram feridos. Quanto vale a vida humana? Este também é definitivamente um projecto com a intenção de mostrar o quanto a vida humana pode ser posta em causa, em troca de um dos bens mais valiosos do planeta Terra.

 

Horizonte Profundo conta a história trágica da plataforma petrolífera Deepwater Horizon que a 20 de Abril de 2010 explodiu no Golfo do México, nos Estados Unidos. Apesar de pertencer à Transocean (empresa da indústria petrolífera que presta serviços de perfuração marítima por todo o mundo), a plataforma estava a ser operada pela BP, que ignorou alguns sinais preocupantes, que mais tarde levaram a várias explosões que resultaram no derramamento de petróleo ao longo de 60 km. Aqui seguimos o decorrer dos acontecimentos durante esse dia até ao resgate dos 126 trabalhadores a bordo, acompanhando um pouco das funções de alguns dos trabalhadores petrolíferos interpretados por Mark WalhbergGina RodriguezKurt Russell entre outros. Este evento foi considerado o maior desastre ambiental da história dos Estados Unidos.

 

Baseado em factos verídicos, este é um thriller que provavelmente será dos mais intensos que vamos assistir este ano. Mas a verdade, é que chegamos ao fim de Horizonte Profundo – Desastre no Golfo sem grande apego emocional por ele, devido não só à quantidade de termos técnicos que nos fazem andar à deriva durante algum tempo, mas também pela ineficácia no que toca ao explorar algumas situações especificas, personagens ou a simplesmente ignorar o retrato das vidas que se perderam. Ao invés disso, que seria a meu ver a sua maior prioridade, ficamos espantados com a efectividade que transparece apenas através de imagens, banda sonora e efeitos sonoros, uma emoção e tensão incríveis, que quando experienciadas em IMAX dão ainda mais brilho aos seus aspectos técnicos que permitem assistir de perto o terror vivido por aqueles homens.

 

Em Horizonte Profundo – Desastre no Golfo encontramos uma boa experiência cinematográfica a nível técnico, que se perde por uma maior ambição, mas que consegue proporcionar momentos absolutamente intensos e inquietantes.

Resumo da crítica

Summary

Bem sucedido no que toca a aspectos técnicos, mas demasiado exagerado na linguagem especifica, dando apenas importância aos membros sobreviventes, esquecendo durante toda a narrativa as vidas que se perderam.

Classificação

  • Argumento
  • Interpretação
  • Produção
  • Realização
3 10 bom

Comentários

Share, , Google Plus, Pinterest,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *