Aníbal Santiago

Aníbal Santiago

  • Posted in:

    [Queer Lisboa 2018] Entrevista a Guto Parente sobre “Inferninho”

    Estreado na edição de 2018 do Festival de Roterdão, “Inferninho” é um dos destaques da secção Queer Art do 22º Queer Lisboa. A Take Cinema Magazine encontra-se a cobrir o prestigiado certame e teve a oportunidade de entrevistar online o realizador Guto Parente. Ao longo da entrevista foram abordados assuntos relacionados com a colaboração entre […]

    Read more

  • Posted in:

    [Queer Lisboa 2018] Girl

    A relação dos adolescentes consigo próprios nem sempre é fácil, seja pela forma muito particular como encaram o tempo e o mundo que os rodeia, ou como se observam e ao seu corpo, ou como sentem tudo com uma intensidade assinalável. Existe uma ânsia de descobrir, viver e sentir, que o diga Lara (Victor Polster), […]

    Read more

  • Posted in:

    [Queer Lisboa 2018] Blue My Mind

     Com uma barbatana na realidade e outra na fantasia, “Blue My Mind” aborda uma série de temáticas relacionadas com a adolescência, uma fase onde tudo parece ser vivido e sentido com uma intensidade assinalável. Imensas descobertas são efectuadas, a relação com o corpo conta com especificidades muito próprias e existe uma necessidade de afirmar a […]

    Read more

  • Posted in:

    Praça Paris

    Elevado pela sólida interpretação de Grace Passô, “Praça Paris” embrenha-se pelas dicotomias do Rio de Janeiro, pelas assimetrias e injustiças sociais e pela violência que percorre esta cidade, enquanto aborda os efeitos da contratransferência e desenvolve a estranha ligação que se forma entre a dupla de protagonistas. É obra que se esgueira pelas fronteiras do […]

    Read more

  • Posted in:

    [MOTEL/X 2018] – “Hagazussa: A Heathen’s Curse” e “A Estranha Casa na Bruma” premiados

    Para além da exibição de “Elizabeth Harvest”, a sessão de encerramento da edição de 2018 do MOTELx contou com a revelação dos grandes vencedores das secções competitivas do certame. Realizado por Lukas Feigelfeld, “Hagazussa: A Heathen’s Curse” venceu o Prémio de Melhor Longa de Terror Europeia / Méliès d’Argent. Já o Prémio Melhor Curta de […]

    Read more

  • Posted in:

    [MOTEL/X 2018] Luz

    “Luz” não está preocupado com o desenvolvimento dos personagens, ou com a apresentação de um enredo coerente, certinho e de fácil acompanhamento, ou em manter-se numa zona de conforto. Acima de tudo quer ser uma experiência cinematográfica que mexe com os sentidos e os sentimentos. E consegue. É filme que inebria e desconcerta, que se […]

    Read more

  • Posted in:

    [MOTEL/X 2018] Die Vierhändige

    Em certo ponto de “Die Vierhändige” é possível observarmos Jessica (Friederike Becht) ao piano, em primeiro plano, enquanto em pano de fundo encontramos um espelho. Quem aparece reflectido no espelho é Sophie (Frida-Lovisa Hamann), a sua irmã mais nova, com este plano a sublinhar de modo paradigmático a ligação destas duas personagens aparentemente bastante distintas, […]

    Read more

  • Posted in:

    [MOTEL/X 2018] Entrevista a Oliver Kienle sobre Die Vierhändige (Four Hands)

    O realizador Oliver Kienle esteve em Portugal para apresentar “Die Vierhändige” na edição de 2018 do MOTELx. A Take Cinema Magazine teve a oportunidade de entrevistar o realizador e efectuar questões relacionadas com a colaboração de Kienle com Yoshi Heimrath, o trabalho com Frida-Lovisa Hamann e Friederike Becht, entre outras perguntas. Take Cinema Magazine: Num […]

    Read more

  • Posted in:

    Neruda

    Como realizar um filme de pendor biográfico sobre Pablo Neruda? É uma pergunta a que Pablo Larraín responde de forma improvável: no formato de policial com ingredientes de noir, road movie e suspense, tendo um comissário e o famoso poeta e político chileno como figuras centrais, sempre sem descurar o contexto histórico e o retrato […]

    Read more