Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

A Purga: Anarquia

de James DeMonaco

muito bom

Depois de vermos como A Purga consegue atormentar uma pequena família, desta vez o espectador é levado para as ruas durante esta espécie de feriado nacional onde, durante 12 horas, o crime é legal. Seguimos então várias personagens que se vêem presas nas ruas durante a “festividade”, lutando pelas suas vidas.

A Purga foi um sucesso de bilheteira que abriu as portas a esta sequela, A Purga: Anarquia. Com James DeMonaco de volta ao argumento e à realização, desta vez deixa de lado o filme home invasion e oferece ao espectador aquilo que se queria ver no primeiro filme: a purga nas ruas, o caos que causa e um melhor uso da crítica social que DeMonaco nos queria oferecer inicialmente. Temos então uma sequela em tudo superior ao seu antecessor, algo raro de acontecer especialmente neste género, com boas doses de suspense e acção, que fazem desta uma nova saga a seguir com relativa atenção. Frank Grillo é o protagonista de serviço.

Resumo da crítica

Summary

A Purga: Anarquia oferece a visão que se desejava ver no primeiro filme, o caos causado pela ideia do crime ser legal durante um determinado período de tempo. James DeMonaco traz-nos assim uma sequela superior ao seu antecessor, num thriller cheio de acção, suspense e com uma forte crítica pelo meio.

Classificação

  • Argumento
  • Interpretação
  • Produção
  • Realização
3.5 10 muito bom

Comentários

Share, , Google Plus, Pinterest,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *