Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

Vida Inteligente

de Daniel Espinosa

mediano

Sci-fi nunca é um género fácil e Daniel Espinosa resolveu aventurar-se por caminhos apertados. Com um passado mais recente baseado em thrillers como Child 44 (2015), Safe House (2012) ou Easy Money (2010), Espinosa avança para algo mais ambicioso em termos visuais, mas não tanto no que toca a um bom argumento. Com um elenco sólido, mas uma história que não surpreende, Vida Inteligente não passa de uma ideia saturada, mas que nos agarra ao ecrã, mesmo quando já sabemos bem aquilo que nos espera.

 

A bordo da International Space Station, os seis membros da tripulação (Jake GyllenhaalRebecca FergusonRyan ReynoldsHiroyuki SanadaAriyon Bakare e Olga Dihovichnaya) têm a missão de estudar amostras recolhidas em Marte. A ideia é verificar que realmente existirá vida extraterrestre, tal como analisar o seu desenvolvimento, comportamento e inteligência. Ao fim de poucos dias, a progressão de um pequeno organismo marciano é incrível e as suas características são bastantes similares à de qualquer ser humano. O entusiasmo acerca desta pesquisa é enorme e o pequeno ser é apelidado de Calvin, referido com afecto como se de um humano se tratasse, e o misticismo e encantamento por parte de todos transforma-se em algo extremamente perigoso, quando sem contar se apercebem que Calvin se prepara para atacar, ficando cada vez mais forte, cada vez que o faz. E até aqui, o filme até que era interessante…

 

Estamos perante um thriller sobre sobrevivência, que sabe como nos enervar, usando apenas uma aparente premissa sobre o desconhecido e o fascínio pelo Universo. Sabemos muito pouco sobre os personagens, para além das habituais questões clichés sobre a busca de paz interior e satisfação pessoal que lhes faltava no planeta terra. Causar terror é factor principal, ao invés da profundidade em termos de história. As atitudes da maior parte dos personagens são previsíveis e inevitavelmente burras, seguindo sempre a mesma linha, passando completamente ao lado o impacto do twist final, que nada surpreende de tão óbvio que é. Uma mistura de Alien e Gravity em mau, onde pessoas supostamente inteligentes tomam atitudes erradas em loop.

 

Vida Inteligente não passa de uma vislumbre de outros filmes do género, onde os aspectos mais positivos passam apenas pela cinematografia e banda sonora.

Resumo da crítica

Summary

Uma ideia saturada que não trás nada, nem de novo, nem interessante ao género. Perante um argumento fraco, apenas os aspectos técnicos sobressaem.

Comentários

Share, , Google Plus, Pinterest,

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *