Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

Um Traidor dos Nossos

de Susanna White

bom

Adaptado do romance homónimo de John le CarréUm Traidor dos Nossos, é um thriller político e de espionagem realizado por Susanna White. Infelizmente, é o tipo de filme que não surpreende, mas que certamente entretém, correndo o risco de rapidamente cair em esquecimento.

 

Perry (Ewan McGregor) e Gail (Naomie Harris) encontram-se em Marraquexe para um fim de semana romântico, com o objectivo de ultrapassar a crise matrimonial que enfrentam. Na penúltima noite na cidade, conhecem Dima (Stellan Skarsgard), um homem aparentemente atencioso, mas que faz parte da máfia russa, encarregado de tratar do sistema de lavagens de dinheiro. Dima rapidamente faz-se amigo do casal, pedindo-lhes que o ajudem a fazer chegar até aos serviços secretos Britânicos, informação classificada sobre o grupo de mafiosos do qual faz parte. Perry e Gail vêem-se então obrigados a estar envolvidos no meio de uma teia de interesses políticos e de corrupção, o que poderá por em grande perigo o bem estar de cada um.

A verdade é que Um Traidor dos Nossos, acaba por cair em todos os clichés habituais de outros thrillers do género, e apesar da atmosfera mais contida e intrigante, os momentos previsíveis vão surgindo. Para além de ser muito superficial, não arrisca tornando-se monótono, mas é estranhamente envolvente, muito em prol da excelente cinematografia e do trabalho de Stellan Skarsgard, aqui num papel mais peculiar, obscuro mas também divertido, que se revela no melhor do filme e do elenco, quase sem brilho e entrega suficiente para acreditarmos realmente nas suas intenções. Estamos perante performances “sem sal” da parte de Ewan McGregorNaomie Harris e Damian Lewis, o que nos faz estar sempre a postos para voltar a ver Skarsgard entrar em acção. Não posso dizer que é um filme terrível, mas a originalidade não é o seu forte. Faltou arriscar um pouco mais em todos os aspectos, e talvez até se conseguisse colocar um pouco a cima do mediano.

Tem certamente estilo, mas falta-lhe mais arrojo, profundidade e tensão, coisas que o ajudariam a ser um thriller, mais à moda old school, mas que fosse digno de grande reconhecimento.

Resumo da crítica

Summary

Um Traidor dos Nossos, acaba por cair em todos os clichés habituais de outros thrillers do género, e apesar da atmosfera mais contida e intrigante, os momentos previsíveis vão surgindo.

Classificação

  • Argumento
  • Interpretação
  • Produção
  • Realização
3 10 bom

Share, , Google Plus, Pinterest,

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *