Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

O Dia Mais Curto 2016 | Apresentação

O Dia Mais Curto 2016

O ciclo de cinema O Dia Mais Curto arrancou no inicio do mês e culmina esta quarta-feira, 21 de dezembro, no dia mais curto do ano em pleno Solstício de Inverno, com sessões de curtas-metragens em vários pontos do país.

 

Inspirada no Solstício de Inverno, a festa da curta-metragem nasceu em França e rapidamente alcançou uma dimensão internacional sendo, atualmente, celebrada em dezenas de países em todo o mundo. Em Portugal, o evento organizado pela Agência da Curta Metragem assinala a 4ª edição, a maior de sempre, com a participação de 34 localidades: Abrantes, Albufeira, Almada, Amadora, Amarante, Barcelos, Braga, Cascais, Castro Verde, Coimbra, Constância, Elvas, Évora, Faro, Funchal, Guarda, Guimarães, Lajes do Pico, Leça da Palmeira, Leiria, Lisboa, Maia, Matosinhos, Oeiras, Ponta Delgada, Ponta do Sol, Porto, Sardoal, Setúbal, Vila do Conde, Vila Nova de Famalicão, Vila Nova de Gaia, Vila Real e Viseu.

Para a ocasião, a Agência da Curta Metragem preparou quatro programas com curtas-metragens portuguesas e europeias, para adultos e crianças. “Panorama Nacional” revela o melhor da nossa produção recente através de filmes que se têm destacado nos festivais de cinema: “António, Lindo António” de Ana Maria Gomes, “A Brief History of Princess X” de Gabriel Abrantes, “Menina” de Simão Cayatte e “Penúmbria” de Eduardo Brito. Por outro lado, “Europa em Curtas”, elaborado em colaboração com a rede europeia Short Circuit, apresenta um conjunto de filmes europeus que abordam temas como a poesia, a dependência e o conceito de fronteira. A pensar nos mais novos “Papel de Natal e Outras Histórias” e “Curtinhas em Dezembro” incluem pequenas histórias repletas de aventura, peripécias e personagens únicas, sem nunca esquecer a vertente educativa.

Alguns programadores, como o Shortcutz, associaram-se ao evento através de programas próprios.

Durante este curto mas intenso dia, as sessões terão lugar nos mais variados locais de projeção. Para além das tradicionais salas de cinema, O Dia Mais Curto será assinalado no Metro do Porto, nas estações e carruagens com Metro TV; na televisão, com programas especiais dedicados ao evento nos Canais TVCine & Séries e no Cinemax RTP; na Internet, no site da Agência que disponibiliza cinco filmes portugueses para visualização online gratuita; e em 15 lojas Fnac.

Ainda no dia 21, a Cinemateca Portuguesa, em Lisboa, recebe uma sessão especial do evento com destaque para a produção nacional. Serão apresentadas, com a presença dos realizadores, as curtas-metragens “À Noite Fazem-se Amigos” de Rita Barbosa, “Sinais de Serenidade por Coisas Sem Sentido” de Sandro Aguilar, “Penúmbria” de Eduardo Brito e “Fiesta Forever” de Jorge Jácome. No dia 22 de dezembro, o Cineclube do Porto apresenta também uma sessão especial com os filmes “Mães em Chamas” de Joanna Rytel, “À Noite Fazem-se Amigos” de Rita Barbosa, “Uma Breve História da Princesa X” de Gabriel Abrantes e “Cabeça D’Asno de Pedro Bastos.

Para além das sessões destinadas ao público em geral, O Dia Mais Curto tem sido assinalado em várias escolas, por alunos de diferentes graus de ensino, e em instituições de solidariedade social como as Aldeias de Crianças SOS e a Santa Casa da Misericórdia.

O programa completo da 4ª edição d’ O Dia Mais Curto está disponível em:

www.odiamaiscurto.curtas.pt

 


Informação cedida por: Agência – Portuguese Short Film Agency

+ info:
http://www.odiamaiscurto.curtas.pt/

Share, , Google Plus, Pinterest,

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *